Dicas de Sexo

Sexo na Terceira Idade: 5 dicas para aumentar a libido

Ao contrário do que muitos pensam, o sexo na terceira idade não é algo raro. Relações sexuais não tem regras, tão pouco idade. Inclusive, a prática traz muitos benefícios para a saúde física e mental das pessoas nesta etapa da vida.

A energia sexual é capaz de melhorar o funcionamento de todo o organismo humano. Auxilia no sistema imunológico, reduz a concentração de gordura corporal e aumenta a produção de endorfina, reduzindo ansiedade e estresse.

O mais importante é não se apegar aos tabus imposto pela sociedade, ligados aos estereótipos e a ideia de que esta etapa da vida é sinônimo de reclusão.

Claro, com o tempo, o corpo sofre mudanças que podem desfavorecer a relação sexual, mas isso não chega a ser um problema para aqueles que querem manter o clima quente. É possível investir em alternativas para que o sexo continue sendo prazeroso, e não seja doloroso e difícil.

1. Criatividade é um trunfo

Converse abertamente sobre os gostos do parceiro e contorne as próprias limitações com criatividade. A imaginação é um dos mais potentes afrodisíacos. Crie, fantasie, explore novas sensações. Desde que não resulte em riscos para a saúde, vale tudo!

Um ótimo exemplo é a utilização de posições diferentes, principalmente para os homens que sofrem com a perda da agilidade. A posição “de lado” é uma ótima pedida e evita esforços excessivos sobre os músculos e articulações do casal.

2. Uma boa preliminar sempre ajuda

Preliminar é bom e todo mundo gosta. Mas não estamos falando apenas de “mão naquilo e aquilo na mão”. Sair para um bom jantar, elogios, um banho quente (entenda como preferir), massagens, bom ambiente, dança… tudo conta como preliminar. Estas atividades criam um clima favorável para o casal.

Outra bela pedida é o sexo oral. Seja nele, ou nela, um bom sexo oral deixa o parceiro (a) ainda mais excitado (a).

3. Falta de lubrificação é contornável

Nas mulheres, a lubrificação tende a diminuir, ou até mesmo a desaparecer por completo, após a menopausa. Mas quem foi que disse que isso é um problema intransponível?!

Neste caso, a melhor alternativa é fazer uso de géis lubrificantes. Há vários tipos no mercado, com aromas e sabores distintos, e até mesmo aqueles que causam sensações indescritíveis. Ótima oportunidade para fazer alguns testes (666).

O prazer e a sensibilidade continuam, mesmo após a menopausa. O orgasmo é uma sensação cerebral desencadeada por um estímulo no pênis ou clitóris. Se a sensação for boa e prazerosa, com certeza a pessoa chegará ao orgasmo naturalmente.  

4. Exercícios para aumentar o prazer

Devido às alterações hormonais e aos partos, algumas mulheres sofrem com o relaxamento da musculatura pélvica, e acabam sentindo menos prazer ao fazer sexo na terceira idade. Os exercícios de fortalecimento são ótimos para contornar este problema. Dentre estes, o mais comum certamente é o pompoarismo. Uma arte milenar indiana que possibilita massagear e pressionar o órgão sexual masculino com os músculos da vagina durante o contato íntimo.

5. Outras dicas importantes para o sexo na terceira idade

Sexo na Terceira idade

Pratique atividades físicas

Os que praticam regularmente alguma forma de atividade física possuem mais disposição para o sexo. Uma caminhada de 30 minutos por dia, pelo menos 4 dias por semana, já é um bom começo. Se não conseguir, faça duas vezes ao dia, durante 15 minutos. O importante é não ficar parado.

Tenha uma vida social ativa

Cultivar boas amizades, visitar bailes exclusivos para a terceira idade, fazer aulas de dança… nesta etapa, o importante é expandir o ciclo de contatos que propiciem encontros. Para os que já estiver em um relacionamento sério, o importante é focar em manter a vida ativa, com atividades e eventos na agenda, para não acabar caindo na rotina.

Tenha uma boa alimentação

Alimentação rica em gorduras e calorias e pobre em vitaminas é um veneno para o desejo sexual. É importante consumir frutas, legumes e vegetais. Além disso, uma boa hidratação é fundamental.

Fique atento com sua saúde:

Para que a sexualidade aflore, é preciso manter a saúde sob controle. Não há desejo sexual que resista noites insônia, colesterol alto ou pressão. Um bom acompanhamento médico é importantíssimo.

Não tome remédios para melhorar a disposição sexual sem indicação médica

Mesmo seguindo todas as dicas, pode acontecer da pessoa precisar de mais uma “ajudinha” para ter uma boa vida sexual.Nesses casos, é importante procurar um médico. Não há motivo para vergonha, ele indicará o melhor remédio ou suplemento. 

Você também pode conversar com um Educador Sexual que poderá entender melhor sua necessidade e até mesmo indicar produtos eróticos para dar um up na relação.

Viu? Não há idade para amar e ser amado(a). O sexo na terceira idade não deve ser visto como um tabu. Pelo contrário, é ótimo para uma vida feliz, saudável e quente.

Agora que você já sabe da importância do sexo na terceira idade, que tal assinar nossa newsletter e receber dicas como essa diretamente na caixa de entrada do seu e-mail?

Vibradores Mais Vendidos
Tags
Mostrar mais

Posts recomendados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar